20 Dez. Open Talk: PATCHING CIRCLE com João Pais e Giuliano Obici

20 Dez. Open Talk: PATCHING CIRCLE com João Pais e Giuliano Obici

Uncategorized 0

Encontro aberto para interessados e curiosos exporem ideias, projetos, dúvidas e patches no âmbito do ambiente de programação Pure Data. A dinâmica do encontro é livre e informal. Simplesmente vem, traz teu laptop, teu bom humor e senta-te conosco. O bar está aberto.

QUANDO: 20/12 – quarta feira – 18h

ONDE: Espaço SOMAR – Rua dos Anjos 9d Lisboa

QUANTO: Free

JOÃO PAIS  estudou composição e música electrónica em Lisboa, Londres e Freiburg. Juntamente com os seus colegas Diana Ferreira e Luís Antunes Pena fundou e dirigiu entre 1997 e 2001 o festival Jornadas Nova Música em Aveiro.Com Alberto C. Bernal e Enrique Tomás desenvolveu o projecto Endphase, focando os temas da improvisação e música conceptual com meios electrónicos, apresentando-se na europa, ásia e américa do sul.Entre 2010 e 2012 Pais foi o curador da série de performance BodyControlled no espaço LEAP (Berlim). Pais criou e desenvolve o software Click Tracker, destinado a apoiar a execução, estudo e composição de música contemporânea. Residente em Berlin, Pais dedica-se à notação, programação, composição e performance com meios acústicos e electrónicos.

GIULIANO OBICI : É artista e professor do Departamento de Arte da Universidade Federal Fluminense (Niterói – Rio de Janeiro). Formado em música, comunicação e psicologia; escreveu o livro “Condição da Escuta: mídias e territórios sonoros” e “Gambiarra e experimentalismo sonoro” (teses de doutorado). Seus projetos artísticos e de pesquisa foram apresentados em diferentes contextos, festivais, galerias, bienais e conferências em Viena, Nova York, Rio de Janeiro, Berlim Londres, Bogotá, Oslo, Kassel, Lisboa, São Paulo, entre outros. Obici recebeu diferentes prêmios e bolsas como Giga-Hertz (ZKM e Estúdio Experimental – Karlsruhe e Freiburg), Red Bull Residência Artísitica, DAAD, CAPES e FAPESP. Seu trabalho está relacionado com percepção, som e mídia, bem como aspectos políticos, éticos e estéticos das tecnologias. Mais informações www.giulianobici.com.